Translate

sábado, 18 de junho de 2016

VAMOS FALAR SOBRE POLENTA + "PAIOLO ELETTRICO" (Utensílio italiano para fazer polenta sem ter trabalho!)


A polenta é uma mistura de farinha de cereais e água, cozidos em um caldeirão (paiolo). Antes do cultivo do milho na Europa, a polenta era preparada com uma grande variedade de cereais como por exemplo aveia e trigo, e mesmo com castanhas. 


As origens da polenta de milho estão enraizados nos tempos antigos, ao tempo em que Cristóvão Colombo voltou da América, e trouxe consigo uma planta que nunca tinha visto na Europa: o milho.

Os índios usavam o milho para preparar uma espécie de mingau (angu) à base de farinha de milho e água, cozido e com consistência de uma polenta firme ou cremosa, mas que nunca era grelhado ou frito. 

A polenta de milho tornou-se uma receita típica do norte da Itália, onde passou a substituir o pão e o macarrão, especialmente, onde a tradição é muito rica e enraizada.

Sempre chamado de "prato dos pobres". a polenta é a base de muitas receitas típicas, pois é simples e saborosa. 

Como a polenta tem um sabor muito "neutro", facilmente adaptável, os agricultores descobriram muitas variações de combinar este alimento, muito nutritivo e barato, com pratos já existentes,  enriquecendo com molhos, legumes, carnes ou queijos.

A polenta sempre foi feita da mesma forma: com bastante esforço e paciência, misturando a massa de milho em caldeirões de cobre (paiolo) sobre o fogo. 

PAIOLO (em italiano) é um caldeirão; um tipo de panela utilizado tradicionalmente para a preparação de polenta. É geralmente feito de cobre, ferro fundido, pedra-sabão ou alumínio. O Paiolo de cobre é o mais tradicional, difuso por todo o norte da Itália. 

O Paiolo elétrico, é um caldeirão mais moderno, com um motor elétrico, que está acoplado à extremidade para mexer a polenta. Ele é construído de cobre com a forma clássica ou de um cone com fundo plano. Assim, o misturador vai misturando a massa perfeitamente, sem queimar. 

Com o paiolo elétrico é possivel fazer uma polenta tradicional, sem ter que ficar mexendo a massa por todo o tempo, pois o utensílio faz isso por você.

Além da polenta, dá para fazer marmeladas e geleias também!



Veja a receita de Linguiça com polenta, verdura e queijo